II Seminário Estadual CIPAVE

06/11/2018
Local: Feevale/NH
 

II SEMINÁRIO ESTADUAL CIPAVE

“CONSCIÊNCIA DA RESPONSABILIDADE”

 

É muito interessante quando os jovens se unem a uma causa. E esta causa é de grande importância, uma vez que promove a prevenção da violência da escola. Agradecemos as escolas parceiras do Projeto Cipave que ajudaram na organização do II Seminário Estadual Cipave: 

Escola Estadual de Ensino Médio Fernando Ferrari, de Campo Bom.

Escola Estadual de Ensino Médio La Salle, de Campo Bom.

Escola Estadual de Ensino Fundamental Willy Oscar Konrath, de Sapiranga.

 

Escola Estadual de Ensino Fundamental Willy Oscar Konrath, de Sapiranga

Equipe do departamento pedagógico da 2ª CRE.

Inscrições dos coordenadores regionais de educação do Estado do Rio Grande do Sul, assessores e coordenadores das ações da CIPAVE e de cada CRE, equipes diretivas e coordenadores pedagógicos das escolas


Arte da Escola Estadual de Ensino Fundamental Willy Oscar Konrath, de Sapiranga.

Abertura com show da Escola Estadual de Ensino Médio Fernando Ferrari, de Campo Bom.

 Belíssima apresentação dos alunos Diogo  Klug Strassburguer (EEEM La Salle)

e Alana Ehz (EEEM Fernando Ferrari).

A cobertura do evento também contou com uma ação pedagógica da escola Fernando Ferrari, o Projeto Imprensa.

O professor e vereador Issur Koch, também brindou o público com musica.

 

 

O evento foi promovido pelo Governo do Estado do Rio Grande do Sul, Secretaria de Estado da Educação, 2ª Coordenadoria Regional de Educação – 2ª CRE, situada em São Leopoldo.

No ano de 2015, a Secretária de Estado da Educação implementou as Comissões Internas de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar, as CIPAVES. A partir de experiências significativas e exitosas, oriundas de Caxias do Sul, o projeto ganhou proporção estadual, instituído através da Lei estadual nº 14.030 no ano de 2012, promovida pela Deputada Estadual da época, Srª Maria Helena Sartori e atual Secretária do Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos.

Com o objetivo de promover ações afirmativas, prevenindo conflitos e a violência, escolas do estado vêm apresentando iniciativas e práticas privilegiando a boa convivência, enfrentando comportamentos como o bullying, violência no trânsito, preservação da natureza e cuidado para com o próximo.O projeto tem se consolidado com parcerias importantes:

Guardas municipais; Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Polícia Civil e Federal, Corpo de Bombeiros, Conselhos tutelares, DETRAN e Ministério Público. Parcerias estas que promovem o sucesso da CIPAVE. Recentemente, o Programa obteve escolha entre 120 projetos de destaque pela Corporação Andina de Fomento - CAF, Banco de Desenvolvimento da América Latina e foi um dos vencedores da 1ª Convocatória Internacional de Avaliações de Impacto para uma melhor gestão, reafirmando a parceria com as escolas estaduais.

 

A abertura contou com a Secretária de Educação do Estado, Sra Iara Wortmann; Presidente da comissão de Educação, Cultura, Desporto e Tecnologia da Câmara de Vereadores de Novo Hamburgo, Issur Koch; Coordenadora da 2ª Coordenadoria Regional de Estado da Educação, Helenise Ávila Juchem; Coordenadora Estadual do Programa CIPAVE, Luciane Manfro; Promotora Regional de Justiça, Luciana Cano Casarotto.

A Coordenadora da Cipave, Luciana Manfro e Marjori Nunes da MSTECH responsável pelo desenvolvimento do Baneville,  apresentaram a segunda fase do jogo.

 

Sr. Gelson Luiz Guarda e Sra. Laís Elisabeth Silveira do DETRAN abordaram “Prevenção à violência no trânsito”.

 

Policial Militar, Arlindo Weber,  responsável pelo PROEDER de São Leopoldo e graduando em direito abordou o tema: “ Violência de Gênero: o que é isso professor?”

Painel CIPAVE no Rio Grande do Sul: com a Secretária de Educação do Estado, Sra Iara Wortmann, Procuradora Geral do Estado, Veronica Bocchese e  Promotora Regional de Justiça, Luciana Cano Casarotto.

 

Coordenadora da 2ª Coordenadoria Regional de Estado da Educação, Helenise Ávila Juchem com Veronica Bocchese (Procuradora Geral do Estado), Iara wortmann (Secretária-Adjunta da Secretaria do Estado da Educação), Luciana Cano Casarotto (Promotora Regional de Justiça).

 

Meditação: Vivemos tempos cada vez mais acelerados e estamos constantemente sob pressões. Isso acaba sendo um vetor para uma sociedade violenta e intolerante, marcada pelo ódio e pela eliminação do outro. A meditação, nesse contexto, é uma alternativa e também uma solução para esses comportamentos. A Prof. Kalinka Moz Silveira guiou um momento de meditação.

A tarde iniciou com a brilhante apresentação  dos alunos Diogo Klug Strassburger, Lucas Paranhos e Alana de Souza Eltz, representados pelas escolas La Salle e Fernando Ferrari de Campo Bom.  Destaque-se a coordenação e participação do professor História, Jorge Luís Matias, que atua na Escola Fernando Ferrari.

Painel CIPAVE com a presença de Secretária do Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos e 1ª Dama do estado, Maria Helena Sartori; acompanhada da Secretária-Adjunta, Iara Wortann e Coordenadora da 2ª CRE, Helenise Ávila Juchem.

Segundo o dicionário meditar é um verbo transitivo direto e tem seu conceito fundamentado na seguinte concepção:

  • estudar o pensamento, o conteúdo de; pensar sobre; ponderar.
  • preparar alguma coisa amadurecendo-a longamente; projetar, intentar.

Pensando nisso e a fim de conhecer mais sobre essa prática, a Monja Kokai Eckert Sensei que é monja zen-budista, coordenada pela Monja Coen no ano de 2009, falou sobre o tema: “Desenvolvendo uma cultura de Paz e de não violência ativa”

Na sequência da programação, o Mestre em Psicologia André Tavares Cardoso, abordou a temática: O PAPEL DA ESCOLA E DA FAMÍLIA HOJE: EM BUSCA DE UMA CULTUR ADE PAZ.

A Banda da Escola Estadual de Ensino Fundamental Willy Oscar Konrath, de Sapiranga, encerrou com brilhantismo o evento.

 

Mais sobre o evento: www.educacao.rs.gov.com por Diego Costa

 

Fotos do evento:

Manhã

Tarde