Merendeiras da 2ª CRE têm formação

23/07/2014 16:17

 

Cerca de 400 merendeiras das escolas de abrangência da 2ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE) têm formação hoje (23), no auditório do Colégio Piu XII, em Novo Hamburgo. Com a temática “Alimentação escolar e as mudanças no cotidiano escolar”, a formação conta com palestra das assessoras da alimentação escolar da Seduc, Fernanda Marques e Fernanda Maria da Silva, da nutricionista do Centro Colaborador em Nutrição Escolar (CECANE-Ufrgs), Rafaela da Silveira e do psicólogo e professor Paulo Inocenti.

O público foi recepcionado com apresentações de canto e dança dos alunos do Programa Mais Educação da Escola Luiza Teixeira Laufer, de Novo Hamburgo. Os alunos, em pleno dia de férias escolares e com muita chuva, levantaram cedo para homenagear a figura importante da merendeira. Bárbara de Carvalho e Vinícius Modesto, da 8ª série, definem a merendeira como “aquela que pessoa que faz de tudo pela gente no dia a dia” que merece todo o reconhecimento. Isso é confirmado pela fala de Roneide dos Santos Antunes, da Escola Auri Beschorner, de Salvador do Sul, que trabalha há 30 anos preparando alimentos: “minha maior recompensa é saber que fiz parte da histórico nutricional de muitas crianças carentes”.Roneide ainda destaca a sua alegria em fazer parte desse dia de formação, pois, de acordo com ela, “reflete a valorização e o reconhecimento pelo nosso trabalho”.

A titular da 2ª CRE, Marinês do Carmo de Pariz, frisou, em sua saudação inicial, a importância da merendeira na escola: “é um papel pedagógico fundamental”. A assessora da alimentação escolar da 2ª CRE, Eliana Cardoso Vieira, fez menção especial ao papel da agricultura familiar como alavanca econômica e como uma política que incentiva a permanência dos agricultores. Participou também da organização da formação a assessora da CRE, Flora Silveira Bueno da Silva.

Mais fotos

 

Jornalista responsável: Mariléia Sell