Professores de Ensino Médio têm semana de formação intensa

24/07/2014 16:20

 

 

Na Semana de Formação dos professores da rede estadual de ensino, os formadores regionais do Pacto pelo Ensino Médio, Paulo Taufer e Juliana Espinoza, fizeram uma rodada nas escolas de abrangência da 2ª Coordenadoria Regional de Educação. O foco da semana era completar a primeira etapa, completando 110 horas de formação para os 1.500 professores do Ensino Médio da regional. Os 98 professores orientadores de estudos organizaram a formação em cada uma das 82 escolas que ofertam o Ensino Médio e a 2ª CRE acompanhou os trabalhos em algumas delas.

No dia 18, todos os orientadores de estudos e os coordenadores pedagógicos das escolas com Ensino Médio se reuniram, no Colégio 25 de julho, em Novo Hamburgo, para fazer um resgate dos pressupostos teóricos da reestruturação do Ensino Médio no Rio Grande do Sul.

Os formadores da 2ª CRE participaram, no dia 21, do espaço de formação na Escola Paulo Freire, em São Sebastião do Caí e no Colégio Polisinos, em São Leopoldo. No dia 22, foi a vez do Instituto Madre Benícia, de Novo Hamburgo, da Escola 09 de Outubro, de Portão e da Escola São João Batista, de Montenegro. No dia 23, uma representação da 2ª região escolar ( Escola 08 de Setembro, de Estância Velha e Escola Seno Ludwig, de Novo Hamburgo) participou do fechamento da primeira etapa do Pacto, juntamente com os institutos formadores: a Ufrgs, a Uergs e a Seduc. Na ocasião houve a exposição de práticas pedagógicas e de relatos da formação continuada.

De acordo com a formadora da 2ª CRE, Juliana Espinoza, as formações são marcadas por reflexões intensas e por apropriação teórica da proposta pelos professores. “Percebo que os professores estão com fome e com sede de fazer, de inovar e de fazer a diferença”, avalia. Juliana ainda comemora que o Rio Grande do Sul foi o único estado dos 22 pactuados que cumpriu a primeira etapa de formação do PACTO.

 

Jornalista responsável: Mariléia Sell